Riseup VPN

Estamos lançando uma nova VPN, o primeiro da nossa nova geração de serviços antivigilância. Estes novos sistemas, de segurança reforçada, estão hospedados em black.riseup.net e não são vinculados à infraestrutura atual de Riseup. Isso significa que você precisa criar outra conta nesse site. Não se preocupe, todos os nossos nomes de usuário atuais estão “reservados” e ainda não podem ser usados no Riseup Black; você poderá usar seu nome de usuário atual, ou um novo (se quiser), mais tarde este ano.

Links diretos!

Que é a RiseupVPN?

Redes Privadas Virtuais (VPN) são usadas, tipicamente, para conectar funcionários distantes à rede de um escritório principal. A RiseupVPN é, porém, diferente: com ela se pode contornar a censura, tornar anônima uma localização e criptografar tráfego na internet. Isso é possível porque ela envia todo o seu tráfego na internet por meio de uma conexão criptografada para riseup.net, de onde ele parte para a internet pública.

Este tipo de VPN é, às vezes, chamado de “VPN pessoal” ou “proxy criptografado”. O objetivo de uma VPN pessoal não é conectar alguém, em segurança, a uma rede privada, mas à internet como um todo.

Que é LEAP? Que é Bitmask?

A nova RiseupVPN faz parte da nossa nova geração de serviços antivigilância, desenvolvidos pelo LEAP Encryption Access Project. O LEAP é um esforço colaborativo para tornar as tecnologias de criptografia existentes mais fáceis de usar e ampliar o acesso a elas, sem comprometer a segurança.

Ao adaptar essas tecnologias, o LEAP cria ferramentas que permitem o exercício do direito à privacidade no meio digital, condição fundamental para uma sociedade livre. Para acessar esse serviço, você precisa instalar um aplicativo chamado Bitmask.

Bitmask é um novíssimo cliente que oferece uma experiência fluida, autoconfigurada e multiplataforma e várias melhorias na segurança.

Quer experimentar? Leia as instruções de instalação. Não tenha medo!

Por que Bitmask é melhor do que meu cliente de OpenVPN?
Que aconteceu à antiga RiseupVPN/OpenVPN?
… mas eu gostava da OpenVPN!

Qual é o status da nova RiseupVPN?

A nova RiseupVPN já está funcionando. Diga-nos se encontrar algum problema!

Quais sistemas são contemplados?

O aplicativo Bitmask funciona no GNU/Linux (como pacote no Debian e no Ubuntu e como conjunto de pacotes em outras distribuições), Mac OSX e Android. Consulte as instruções de configuração para esses sistemas.

A quem informo os bugs que encontrar?

Por favor, informe o problema em sua conta.

Por que usar a RiseupVPN?

No Riseup, acreditamos que é importante que todo mundo use alguma tecnologia, como VPN ou Tor, para criptografar o tráfego na internet. Por quê? Pois governos, Provedores de Serviços da Internet (ISPs) e empresas estão arruinando a internet (saiba mais). A RiseupVPN é uma arma contra isso porque oferece:

  1. Proteção contra vigilância de provedores: a RiseupVPN elimina a capacidade do seu provedor de monitorar sua comunicação. Ele não terá registros significativos que poderiam ser usados contra você, seja por marqueteiros ou pelo Estado.
  2. Contorno da censura governamental: a RiseupVPN pode contornar completamente toda a censura do governo, desde que você tenha acesso à internet. Observe, porém, que a análise cuidadosa do seu tráfego pode revelar que você usa uma VPN, o que pode ser legal ou não na sua jurisdição.
  3. Acesso a toda a internet, independente de onde você more: a RiseupVPN permite que você aparente viver em qualquer país no qual tenhamos um servidor de VPN. Com ela se pode acessar conteúdo restrito, disponível apenas nesses países. A RiseupVPN permite também que você use serviços bloqueados no seu país.
  4. Liberdade do firewall da empresa: então você trabalha para uma corporação do mal e desperdiça o máximo de tempo possível navegando na rede? Infelizmente, o firewall da empresa provavelmente impede que você visite vários sites (riseup.net está na lista de sites proibidos por muitos firewalls corporativos). Com a RiseupVPN, você poderá contornar completamente essas restrições e acessar toda a internet.
  5. Segurança na sua conexão wi-fi: sempre que você usa uma conexão wi-fi pública, todas as outras pessoas conectadas ao mesmo ponto de acesso podem espionar seu tráfego. A RiseupVPN evitará que isso aconteça.

Saiba mais.

Limitações da RiseupVPN

A RiseupVPN compartilha de algumas limitações comuns a todas as VPNs pessoais:

  • Aviso jurídico: se você viver em um estado não democrático, poderá ser ilegal usar uma VPN pessoal para acessar a internet.
  • Informações de localização: usar uma VPN em um dispositivo móvel protegeria sua conexão de dados, mas a companhia telefônica ainda poderia determinar sua localização, registrando quais torres se comunicam com seu dispositivo.
  • Dispositivos seguros: uma VPN ajuda a proteger suas informações enquanto transitam pela internet, mas não enquanto estão armazenadas no seu computador ou em um servidor remoto.
  • Conexão insegura é insegura: embora a RiseupVPN torne anônima a sua localização e proteja você da vigilância do seu provedor, depois que seus dados forem roteados em segurança por riseup.net, eles navegarão pela internet como normalmente o fariam. Portanto, ainda se devem usar conexões seguras (TLS), quando disponíveis (isto é, prefira HTTPS a HTTP, IMAPS a IMAP, etc.).
  • VPNs não são uma panaceia: embora VPNs deem conta de muita coisa, elas não resolvem tudo. Por exemplo, não aumentam a sua segurança se o seu computador já estiver infectado com vírus e programas espiões. Se você passar informações pessoais a um site, a VPN poderá fazer muito pouco para manter seu anonimato frente a esse site e os parceiros dele. Para mais informações, leia sobre o anonimato da VPN.
  • A internet pode ficar mais lenta: a RiseupVPN roteia todo o seu tráfego por uma conexão criptografada a riseup.net antes que ele siga para a internet normal. Esse passo extra pode deixar a transferência de dados mais lenta. Para minimizar a lentidão, procure escolher um servidor de VPN próximo a onde você vive.
  • VPNs podem ser difíceis de configurar: ainda que tenhamos tomado providências para facilitar ao máximo o processo, qualquer VPN complica um pouco a configuração da sua rede.

Saiba mais.